sexta-feira, 24 de maio de 2013



O gosto pelo cultivo sobretudo de frutos e legumes (não sou grande apaixonado por plantar flores/plantas, apesar de ser apreciador da sua beleza) já existe há algum tempo acontece que só quando obtive casa própria, com uma ótima varanda virada a nascente (sol das 7:30 até às 15:30) é que comecei a adquirir inicialmente uns pequenos vasos de cultivo já germinados, como foi o caso dos pequenos pimentos que acabou por falecer por culpa própria como explico no post "Montar Horta Caseira".

Com o passar do tempo, e com a constante procura pelas casas de familiares de ideias, objectos para reciclar e inclusive sementes, a minha avó que já anda nestas aventuras ainda eu não era nascido resolveu me oferecer um pequeno vaso com alguns rebentos, com cerca de 15cm cada e já bem floridos de malaguetas para colocar na minha ainda experimental horta caseira.


Esta oferta foi feita no ano passado no pela altura do Verão (Agosto se a memória não me falha) e acreditem ou não, depois de muita flor e folha apenas me nasceu uma única e simples malagueta minúscula que eu nem tive coragem de comer. Deixei-a secar cerca de 3 meses e depois de colhida bem madura acabei por retirar as sementes, ao todo seriam cerca de 30 sementes que hoje habitam em sementeiras para futuras malagueteiras (nem sei se este nome existe) com rebentos de cerca 5 centímetros.

 

A segunda foto é já deste ano tirada no dia 21/04/2013, na altura ainda dentro da estufa, acabando por perder durante o Inverno rigoroso que tivemos todas as folhas ficando apenas os caules verdes que acabaram por escurecer também. Já no inicio deste ano começaram a brotar rebentos dos pontos brancos dos caules. Confesso que cheguei a pensar que teria sido em vão todo o cuidado que tive com ela desde o ano passado, não colocando muita fé na sua resistência  Pois é, mais uma vez a natureza me surpreendeu e fez o que melhor sabe, surpreender-nos, e a surpresa não ficou por aí, além de ter resistido gerou novos rebentos como se vê na imagem em cima.


Essas foram as folhas que ficaram do ano passado e que ainda hoje, passado um mês da data da foto misturam-se com as pequenas folhas que foram nascendo.


Em breve irei actualizar o post com fotos actuais com a planta em todo o seu esplendor, vendo já as pequenas flores que um dia se tornarão malaguetas grandes e picantes espero eu.

Post actualizado a 27/05/2013

Na altura da criação deste post "Plantar Malaguetas - Hortas Caseiras" não tinha na altura fotos actualizadas sobre o crescimento e desenvolvimento da planta, daí a necessidade de actualização de um post criado tão recentemente.




Apenas para informar que apesar de não aparecer na foto, as primeiras flores de malagueta já brotaram, portanto em breve mostrarei a sua beleza antes de virar malagueta.

0 comentários:

Enviar um comentário